Iluminar os dias, continuando a sonhar que é possível viver...

Minha foto
Setubal, Portugal
Um abraço, uma palavra, um sorriso... um caminho que poderá ser muito longo. Afinal é possível.

sexta-feira, 9 de novembro de 2007

O Bébé da mãe...


Quando o chamo a atenção para algo errado, quando me zango com ele, quando lhe levanto a mão para um açoite, ele diz...Não ... eu sou o bébé da mãe. E diz tambem a mesma frase aos outros adultos quando lhe ralham.
Nesta foto o meu M.M. tinha 4 meses, e ja aqui reconhecida era a sua preferência pelo ZÉ, o cão. O primeiro brinquedo, que lhe ofereceram estava eu gravida de 7 meses. Passados 3 anos, ele ja diz: Agora mãe, só quero animais vivos.
O bébé da mãe, vai fazer uma cirurgia, no dia 12, é uma intervenção simples, necessária, tudo vai correr bem. Mas, aqui o coraçãozito de mãe anda uma lástima de dorido.
Um beijinhos para todos vocês...estou sempre por aqui.
Isa

15 comentários:

Aida guimarães disse...

Isa,

É dificil dizer para não te preocupares.
As mães são mesmo assim.
Os nossos filhos são a nossa vida!!

Mas é como dizes, não é nada de especial e vai correr tudo bem.
O teu Miguel vai portar-se bem.
E tu vais estar sempre lá com ele.
Aproveita o fim de semana para descontrair um pouco. O teu Miguel também vai estar no meu pensamento dia 12.

Beijos grandes e fica bem

helena disse...

Isa sou eu...tudo vai correr bem com o Miguel sim...se tem que fazer essa operaçao que seja agora que ele està a crescer,ainda è muito novinho para recuperar para sempre,ficar bom vais ver...força Isa e,segunda feira,estou a fazer força para que o Miguel fique rijo como um pero...!Beijao grande para os dois...

cristina j, disse...

Isa, como tinhas pedido mais um pouco de poesia, eu vou deixar aqui uma poesia infantil da Cecilia Meireles.

Um beijo grande para os dois


O Menino Azul

"O menino quer um burrinho
para passear.
Um burrinho manso,
que não corra nem pule,
mas que saiba conversar.

O menino quer um burrinho
que saiba dizer
o nome dos rios,
das montanhas, das flores,
— de tudo o que aparecer.

O menino quer um burrinho
que saiba inventar histórias bonitas
com pessoas e bichos
e com barquinhos no mar.

E os dois sairão pelo mundo
que é como um jardim
apenas mais largo
e talvez mais comprido
e que não tenha fim".

(Quem souber de um burrinho desses,
pode escrever
para a Ruas das Casas,
Número das Portas,
ao Menino Azul que não sabe ler.)

Loulou disse...

Isa linda, não sou mãe, mas acredito que não é nada fácil saber que o nosso tesouro precisa de umas picas vez em quando, mas acredito que tudo vai correr bem, ou não fosse ele filho de uma grande mulher!

Beijinhos, minha linda.

Alda disse...

Isa,

Mãe é mesmo assim!Força amiga que tudo vai correr bem.
Beijinhos para os dois

lia disse...

Isa,vai correr td bem com o sol da tua vida...Deus vai transformar os teus medos em confiança,Miguita
beijokinhas

Carla disse...

Isa querida, o teu Miguel vai estar no meu pensamento. Beijo muito grande, com saudades.

laura disse...

....

Então mãe? Que dor... pois é, mas o Miguel quando for grande para "cumprir" a sua missão tem de estar nos conformes, não é?

Como te entendo. O meu bébé com quase 31 anos ainda me põe sem jeito quando tem ums febrinha...

Levava eu um jarrinho
P´ra ir buscar vinho
Levava um tostão
P´ra comprar pão:
E levava uma fita
Para ir bonita.
Correu atrás
De mim um rapaz:
Foi o jarro p´ro chão,
Perdi o tostão,
Rasgou-se-me a fita...
Vejam que desdita!
Se eu não levasse um jarrinho,
Nem fosse buscar vinho,
Nem trouxesse uma fita
Pra ir bonita,
Nem corresse atrás
De mim um rapaz
P´ra ver o que eu fazia,
Nada disto acontecia.
F. Pessoa

Beijinhos. laura

Mimas disse...

IsaIluminada, pois é, mãe é mãe.

A minha mais velha foi operada aos 4 anos, tambem uma operação simples a uma hérnia mas eu andei doente e o "patrão" (perito ele próprio em operações bem mais complicadas) só não me gozava porque sabia que se o fizesse corria risco de vida!

E o certo é que ela entrou, fez o que tinha a fazer e no dia seguinte já a tinha em casa...confesso...senti-me um bocado ridicula, mas é certo que se voltasse a acontecer eu ficava doente outra vez...

Mãe é mãe e pronto!

Bj gd, tudo a correr bem, Mimas.

cristina j, disse...

Isa, um grande beijinho e que tudo corra bem amanhã com o teu pequenino.

Vai estar tudo bem.

Bjinhos para os dois

Nela disse...

Querida,

Ele é filho da mãe...!

Logo, só pode correr tudo bem. Vamos estar contigo o dia todo. Por favor, assim que puderes, diz que correu tudo bem, ok?

Beijinho, beijinho, beijinho.

retratoiluminado disse...

Obrigada a todas...

gostei tanto dos poemas que aqui puseram...Cristina e laura.

Depois vai tudo correr bem com o meu pintainho... vocês vão ajudar que eu sei.

Loulou, se nao tiver tempo de te dar um beijinho pelo telele...sabes que vou pensar em ti e desejar do fundo do coração que recuperes depressa e bem, como se fosse na minha pele. Muita força, muita coragem, tu és grande amiga.

Beijinhos, logo...logo vos dou noticias.

Isa

Aida guimarães disse...

Isa,

Muiiiitos beijinhos para ti e para o teu Miguelito.

Força amiga, vai correr tudo bem.


Beijocas

laura disse...

...
Vais ver, não vai custar nada, é mais o susto, para ele e para ti.

O génio do Pessoa tem sempre uma saída que nos conforta.

Do seu longíquo reino cor-de-rosa,
Voando pela noite silenciosa,
A fada das crinças vem, luzindo.
Papoulas a coroam, e, cobrindo
Seu corpo todo, a tornam misteriosa.

A criana que dorme chega leve,
E, pondo-lhe na fronte a mão de neve,
Os seus cabelos de ouro acaricia -
E sonhos lindos, como ninguém teve,
A seguir a criança principia.

E todos os brinquedos se transformam
Em coisas vivas, e um cortejo formam:
Cavalos e soldados e bonecas,
Ursos e pretos, que vão e tornam,
E palhaços que tocam em rabecas...
E há figuras pequenas e engraçadas
Que brincam e dão saltos e passadas...

Mas vem o dia, e, leve e graciosa,
Pé ante pé, volta a melhor das fadas
Ao seu longínquo reino cor-de-rosa.
F. Pessoa

Quanta serenidade quanta paz, nos
transmite!
um beijo. laura

Platero disse...

Olá Isa

Soube hoje que o teu menino ia fazer uma visita a um "SPA" de saúde, desejo que tudo tenha corrido bem, como d ecerteza correu.

Um abraço forte e muita saúde para a mãe e para o "bébé"