Iluminar os dias, continuando a sonhar que é possível viver...

Minha foto
Setubal, Portugal
Um abraço, uma palavra, um sorriso... um caminho que poderá ser muito longo. Afinal é possível.

segunda-feira, 23 de julho de 2007

Festa de Santiago.


Em Setembro, tenho de voltar às sevilhanas. Passam uma energia boa, estes movimentos. Não são muito aconselháveis para o meu braço direito, mas vou mexer pouco os braços e mais os pés... Olé!

Não sou eu que aqui ando neste palco, mas com muita pena minha. Vi este espectaculo de luz e som, que a foto não mostra, por falta de qualidade, nas festas de Santiago, ontem em Setubal. A minha cidade do Sado e do peixe frrrito... bem hajam os senhores camarários que tiverem o brilhante empenho, (que não tiveram o ano passado), de limpar a vala que corre perto da festa, com vista à exterminação dos mosquitos. Enquanto o ano passado vim de lá cheia de hematomas e prurido, este ano só o que me deixou triste, foram as saudades de balançar o corpo ao som do flamenco.

Boas festas... que tragam forças renovadas e contentamento duplicado os que andam de férias...um grande abraço a todos.

3 comentários:

aida guimarães disse...

Isa

Olá amiga. Fico satisfeita por estar tudo bem por aqui.

Sabes que não tenho jeito nenhum para dançar a não ser abanar o capacete..... mas gostava de saber.

Logo vou aparecer para o cafézinho do costume que tenho tantas saudades, depois vou fugir por mais uns dias mas volto rápido.

Beijinhos muiiiiito grandes

laura disse...

......
Hoje já mais sossegadinha, venho falar-te. Os últimos dias tem sido uma aventura aqui com o jardim, o lago dos peixinhos precisou de uma outra bomba e depois foi uma trabalheira, tenho muitos peixes, e é preciso ter paciência, ir limpando a água suja e ir mudando lentamente, não se pode abrir o esgoto se não lá vão os desgraçados por água abaixo. Enfim, agora parece que a coisa já funciona! Gostamos destas mariquices e depois é depesa e trabalho. Mas é o meu hobbi e eu tenho um orgulho e vaidade neste pedaço de terra.
Ontem fui jantar com amigos por isso não fui ao café. Já tentei hoje falar com a Aida mas ela foi ao tratamento de manhã. Espero que esteja tudo bem. Ela e o marido estão de parabéns e o pai da Aida também, vão-lhe fazer uma festinha surpresa, o que é preciso é as pessoas conviverem, e esterem felizes.

Quanto ás sevilhanas, é uma pena, mas realmente os braços têm movimentos expressivos, mas experimenta sem tanto "salero" ou procura uma outra dança, há tanta coisa agora. Uma coisa que eu gosto muito é o sapateado. Se o meu marido alinhasse eu ia, gosto muito de dançar, mas ele não sabe nem quer, o que é o pior...

Por aqui me fico.
Muitos beijinhos e um xi da laura

Isa disse...

É assim, eu gosto mesmo é dos nossos cafezinhos no final do dia, quando temos tempo, para conversar. Quando não temos, tambem tem sido bom sinal, é porque se anda de férias.

Pois temos que ir abanando o capacete para não perder prática, e já ñão é nada mau. Tomara que tenha corrido tudo como desejavas na festa surpresa.

Laura, um lago com peixinhos, á pois eu sei quem gostaria de ter um assim para lhes dar uma esfrega de vez em quando...o meu Miguel. Tinhamos dois cá em casa num aquário, o Nemo e a Wanda. Mas houve um pequeno acidente e deixamos de os ter, agora o Miguel anda a negociar para ter um gato azul...mas vivo. Não quer de pelucia...joga-os fora e diz " na quero ito...quero animais vivos!".

Mas ja reparei que esse cantinho do mundo tem a rua assinatura Laura, só por isso deve ser uma obra de arte. Beijinhos.Isa.